Mãetamorfose Indica

Parte II: A gente saiu da Disney, mas a Disney não saiu da gente!

19 dez de 2013 comentários
Esse post vai ser especial sobre a “Nossa Casinha” em Orlando, também falarei um pouco da nossa rotina de alimentação por lá. Ficamos numa “Vacation Home“, tipo um flat sem serviço de quarto chamado: Terrace Ridge, em Kissimmee – 15 minutos do complexo da Disney de carro. O próprio condomínio tem área de lazer com Piscina e salão de Jogos bem legais. 
Alugamos através do site Decolar.com e deu tudo certo. A diária na época estava R$145,00 para um apartamento de 2 quartos – uma pechincha, viu? E o apartamento foi super bem estruturado com tuuuuuuudo o que você imaginar. Dá uma olhada em alguns registros do meu Iphone:
Nosso Flat! (Essa modelo gatérrima aí é a Princesa…)
A vista da nossa varanda e do nosso condomínio.
Nossa sala!
Nossa Cozinha EQUIPADÉRRIMA! Uhuuuuu…
Tínhamos duas suítes. Esse é um dos banheiros…
A decoração dos flats variam de acordo com os seus donos. Outro casal de amigo ficou em um apartamento também com dois quartos e a decor era diferente. Bem legal, inclusive! A nossa era “mais ultrapassada” digamos assim. Mas todas super confortáveis. Que é o que interessa, né verdade? 
Por lá tinha:
  • fogão com forno
  • microondas
  • torradeira
  • geladeira
  • liquidificador
  • cafeteira
  • processador
  • maquina de lavar
  • maquina de secar
  • ferro de passar
  • Sem contar com os jogos de cama, mesa e banho. 
  • Talheres, pratos, copos, panelas, tapaués…
  • Ah, SECADOR de cabelo! Não podia faltar.
Mais que isso, só dois disso. Como diria o matuto! Levando uma funcionária, como foi meu caso, acredito ser a melhor opção de hospedagem para esse tipo de viagem. Toooodas as obrigações de casa ficou por conta da nossa Didi, e eu assumi 100% as meninas. Para viajar com crianças, ter uma casa estruturada como essa é massa. Por que a gente pode ter a nossa “rotina de casa” instalada por lá. E as crianças não sentem tanto.
Em relação a refeições então, nem se fala. Do Brasil, levei alguns itens ESSENCIAIS na mala como: Massa de Tapioca, Misturas para vitamina da Miúda (Farinha Láctea, Mucilon, Neston) e Fubá – esse último uma amiga nossa, Paulinha, conseguiu achar no supermercado local. Fizemos feiras duas vezes durante a viagem (tinha um supermercado PUBLIX na esquina de casa), nos abastecendo de tudo para um café da manhã e jantar reforçado, onde frutas, legumes, itens como arroz e macarrão, carnes e afins, e mais algumas coisitas estavam presentes! Não tivemos dificuldade de comprar alimentos legais nos States (graças a Deus), e a gente pôde comer de forma saudável “quase” sempre.
Tapioca Delicia, graças a nossa Mala recheada de iguarias locais!
Yes, nós tínhamos Cuscuz! Só não tinha cuscuzeira, o que não foi problema já que na casa tinha tapaué e microondas. Tudo “cierto”!
Quem não tem queijo coalho, caça com Queso para Freir! hehehehehe… Uma versão gostosa de queijo branco pra tapioca e afins…
Olá, me chamo Queso para Freir! Prazer…
Sopa de Legumes, sim senhora!
Levávamos lanches feitos em casa para os parques, dentre: sanduíches, frutas, salgadinhos e wraps. O que fazia a gente economizar e comer melhor! Os lanches nos parques são uma fortuna, Bichu! Além de hiper bombásticos em calorias e frituras. 
Na correria, vai na mamadeira mesmo! (sopa de legumes)
Vai uma Uvinha, ai?!
Viram? Não é tão difícil manter uma alimentação menos “trash”, digamos assim!
Em relação as “vestimentas”, voltamos com quase 100% das roupas lavadas e secadas, nada ficava acumulado por causa da santa maquina de lavar e secar. O que nos ajudou muito por lá, já que levamos pouquíssimas roupas do Brasil e a intenção era “refazer” o guarda roupa nos States
Por hora, é isso! Espero ter ajudado vocês nesse quesito hospedagem e alimentação em Orlando. Se quiser, envia e-mail com dúvidas ou sugestão sobre a viagem pra gente bater um papo, ou comentar por aqui. Vou adorar! 🙂
Mail-me: bruna@maetamorfose.com
Instagram: @maetamorfose