Programinha em família

Por que a Disney nunca foi tão Mágica…

29 nov de 2010 comentários
Como prometido, vou falar um pouco do nosso “Diário a Bordo” no Mundo Mágico. Aí vai um resuminho da nossa programação nesses 15 dias Maravilhosos.
Seguiiiinte:
Primeiro dia chegamos em Miami início da noite e pegamos o carro no ALAMO rent Car, precinho bacana e estruturadísismo, umas 20:00 hs tavamos iniciando a jornada pra Orlando. Cansadissimos do vôo, foi uma das partes mais pesadas, ter viajado quase 8 horas de avião e ainda pegar 4 horinhas de carro, a noite, morrendo de sono e tendo que ficar conversando com o maridão pra não pegar no sono naquela estrada “sonífera” que não existe uma curva se quer!
Segundo dia, já em Orlando, fomos as compras, pois chegamos praticamente nus por lá! As crianças ficam naquela expectativa pra ir logo pros parques, mas nada que a desculpa de ter que se abastecer, o que é verdade, pra poder se vestir no dia seguinte não resolva. E ainda estavamos arrasados, já que no dia anterior fomos dormir quase 3 horas da manhã por causa da maratona! Sem condições de enfrentar Parques logo no primeiro dia…
76197_455981585775_685070775_5971928_5810173_n
Terceiro dia, primeiro parque – Epcot, relativamente light, poucas montanhas russas, bem educativo, e pras crianças tudo novidade igual a tudo lindo! O gás era todooooo… ficamos pra ver os show pirotécnico no final, lindo! De baixo de chuva… e assim foi. Nesse dia aproveitamos pra tirar fotos com a maioria dos personagens, onde você entra numa fila única e sai parando naquela correria pra registrar este momento! De Montanha Russa indicamos a Fast Track, velocidade a mil! Conseguimos repetir umas 3 vezes… 😀 E a área dos países continua sendo o melhor lugar pra comer por lá!
155743_455957510775_685070775_5971632_8182430_n DSC00669 2
DSC00712 2
 DSC00715 2 DSC00719 2
Quarto dia, Magic Kingdom. Aquela coisa, né? Castelo da Cinderela, Splash Montain (Preferido da Princesa), Space Montain, personagens pelas ruas, casinha do Mickey, Minnie e aquelas fofuras e tal. Ah, e a Electrical Parade. Já disse que essa época do ano é MASSA fazer essa viagem? Não, né? Pois é. E fila praticamente não existe. Placar? 3 a 4 repetições em cada Brinquedo. E o Small Little World e o seu “Para ser feliz é preciso ser…” não fez sucesso com a criançada. A Princesa logo resmungou: “ tô enjoada nesse brinquedo. Mas é de sono… Gosto disso não, mainha! Quero aventura!” Pedido aceito. Repetir Splash no frio e na chuva pela milésima vez. Lá vamos nós…
Detalhe: Entramos no Castelo da Cinderela, e aí? “mamãe, cadê os quartos, e os banheiros? e tudo?” é Princesa, ali era apenas uma passarela, e das pequenas! Decepção do dia.

148173_455636805775_685070775_5969205_5365734_n DSC00767
76876_455965935775_685070775_5971712_4087325_n   DSC00789 2
74061_455966125775_685070775_5971715_8302237_n
DSC_1770 2 DSC00837 2
DSC_1663 

Quinto dia, mais compras. Por que fomos com toda a força pros dois primeiros parques e esquecemos que esse ritmo intenso as crianças não aguentam (?), ou será a gente? (realmente, Orlando está bem melhor do que Miami, na minha opinião, pra comprar principalmemente roupas!) Teve uma visitinha ao Toys RUs e Baby RUs, depois eu faço um post só dessa loja! tá?
Sexto dia, Island of Adventure, o esperado Parque do Harry Porter! O parque todo é arretado. Várias atrações legais, como montanha russa do Hulk, simulador do Homem Aranha, e muitosssss. Até o tradicional Jurassic Park  e As Aventuras do Popeye. Tiramos várias fotos como vocês vão ver logo abaixo, e comemoramos o aniversário de João, filho dos nossos companheiros de viagem queridos! Foi o parque mais esperado, sem dúvidas, mas posso falar? A área do Harry (sim, é apenas uma pequena área e não um “parque” dentro do Island, como esperávamos) decepcionou no quesito atrações. O simulador do Vôo de Vassoura é incrível, mas é só. A Butterbeer é uóh, e com dois passos a gente termina tudo, e ZAZ, finito. Só a lojinha de doces que é uma DELIIII!! Cada chocolate melhor do que o outro. Mas pra Princesa era aquela coisa: “Olha filha que massa esse castelo! Olha os amigos do Harry ali… Vamos comprar a Varinha mágica? e blablablá…” Tudo era motivo pra gente achar lindo e Grifnória o máximo! E tome animação, e lá se foi um dia maravilhoso.
Ah, esse dia caiu num sábado, então o Island tava bem mais cheio que os outros parques. Final de semana e atrações novas, pronto. Sinal de mais gente na por lá mesmo. Primeiro local que pegamos mais de uma hora de fila, as outras não passavam de 20 minutos.
DSC00916 2 DSC_2125
DSC00917 DSC00918 2
DSC00924 2 DSC00928 2
DSC00922 2 DSC00927 2
DSC00935 2 155855_455966495775_685070775_5971719_5069358_n
154612_455966525775_685070775_5971720_7299951_n  DSC00956
149917_455637520775_685070775_5969219_8107842_n 154434_456022300775_685070775_5972323_2162815_n
DSC00932 2 DSC_2107
Ps: coloquei mais fotos nesse dia, porque realmente valeu a pena mostrar aqui! E a Princesa iria cobrar, afinal era o dia do Parque do Harry…
Sétimo dia, Sea World. Tranquilo demais! Os shows são os melhores mesmo, e Shamu, depois daquela morte de uma das suas tratadoras, perdeu um pouco a graça. Pelo menos pra gente que já tínhamos visto o augeee daquela interação entre os tratadores e a Baleinha Amiga (?), ou nem tão amiga assim. As Focas e o Leão marinho é uma das apresentações mais animadas. E os golfinhos irradia beleza, lindo, lindo a sua apresentação. Aí vimos uma montanha russa, a Manta. Um das melhores sensações que já senti! Vale a pena demais ir nela, mais de uma vez se possível. A Princesa não pode ir, então o negócio era reversar eu e Pai Postiço, ia ele, depois ia eu. A princesa curtiu ver os tubarões, alimentar os golfinhos, peixe-boi, tudo! Já vi que animal é o forte dela, assim como eu. Se tinha bicho no meio ela adorava. Não tivemos tempo de almoçar no Restaurante dentro de um aquário de tubarão, foi nossa tristeza. Soube que é ótimo!

74875_455967085775_685070775_5971729_1313871_n 149147_455968395775_685070775_5971747_3803606_n
Oitavo dia, Animal Kingdom e Desfile de Natal do Magic Kingdom. Nesse dia, tomamos Café da manhã com os personagens. Tavam por lá o Mickey, Donald, Margarida e o Pateta. Vale a pena demais! Tiramos várias fotos, e fica a lembrança, com certeza. Além de termos comido como verdadeiros “animais”, em homenagem ao parque! Justifico: o nosso café nos outros dias era só sanduiche feito por mim, rapidamente, com “ingredientes” by supermercado sem muitas variações no cardápio. Dá pra imaginar, né?! Ninguém aguentava mais. Melhor montanha Russa do Parque, a EVEREST, essa a Princesa também pode ir. Resultado: fomos mais de não sei quantas vezes nela. O Sáfari tem que fazer, mesmo vendo tudo de bem longe e os bichos ficarem mais escondidos do que aparentes. As crianças, na maioria, adoram ver os animais. Mas o que mais animou a Princesa foi ver a Girafa. “Tu sabe né mainha porque elas têm esse pescoção? É pra poder comer as plantinhas das árvores mais altas.” Certa você, Princesa.
76434_1440533504328_1562774298_30907060_7113003_n 148138_1440534344349_1562774298_30907064_119371_n
149498_1440533984340_1562774298_30907062_857870_n 76805_1440535744384_1562774298_30907070_6112240_n
E a noite, nos encaminhamos novamente pro Magic Kingdom. Você compra à parte a sua entrada, tudo pra ver o desfile de natal e as atrações da noite. Vale a pena até dizer basta. Quem tá no parque no horário normal não pode permanecer, salvo compra de um novo Ticket. Ou seja, você tem que se ligar pra comprar sua entrada fora do combo dos parques da Disney. É o famoso Mickey Very Merry Christmas! E o Parque se transforma com decoração natalina e luzes maravilhosas. Até neve fake eles fazem por lá. Lindo, lindo, lindo. Sim, este ano começou esta apresentação no dia que fomos, 8 de novembro. Só tem nessa época, mesmo.
76124_1440547824686_1562774298_30907129_1819148_n 148652_1440548384700_1562774298_30907132_4041108_n
75323_1440546704658_1562774298_30907122_222262_n 76923_1440546144644_1562774298_30907119_4095392_n
155929_1440548064692_1562774298_30907131_782392_n 150568_1440544504603_1562774298_30907108_7897173_n
Nono dia, teve Bush Gardens. Um dos Parques preferidos da Princesa, com toda certeza. “Aventuraaa…” Engana-se quem pensou que ela não ia em muitas montanhas russas. Felizmente ela pôde ir em várias, digamos assim, animadas. Mas Kumba e Sheikra, por exemplo, ela ficou de fora. A Sheikra, por sinal, foi Montanha Russa mais emocionante que já fui. Queda de 90 graus e pés completamente de fora, dando aquela paradinha com você pendurado, pra avisar: tu vai cair! A Princesa adorou a Scorpions, com loop, claro e a térrivel Gwazi, que parece que vai se desmontar todinha durante a “viagem”. Agora o que ela gostou mesmo foi ver os Cangurus. Ô bichinhos fofos! Demos comida e alisamos tanto, mais tanto. Eles chegam bem pertinho de você. Isso marcou demais ela. O Parque tava VAZIO, literalmente. E meio abandonadinho. Confesso que deu medo de ir nos brinquedos. Sei lá…
155457_455968500775_685070775_5971749_3542962_n
Décimo dia, fomos no Hollywood Studios (antiga MGM). Parque sem grandes atrações, tirando logicamente o Elevador do Terror , o Rock´n´Roller Coaster (ARRETADO, diga-se de passagem), que a Princesa amouuuu… quis repetir toda hora, e tinha dois loops. Já o Elevador, ela foi 3 vezes e ainda teve medo. Pode? Sei não, como uma pessoa com medo repete um brinquedo por três vezes… deve ter sido charme! Star Wars estava fechado, e Indiana Jones nem fomos. “Quem ser este tal de Indiana, mamãe?”
156351_1440576305398_1562774298_30907278_3818300_n 149049_1440574385350_1562774298_30907264_3798021_n
77117_1440577145419_1562774298_30907282_130431_n 148401_1440576505403_1562774298_30907280_2698613_n

Detalhe pra a foto dela com os Jonas Brothers! hehehe.. e com os dois amigos de viagem: João e Luana esperando entrar no elevador…
Décimo Primeiro dia, Universal Studios. Tinha brinquedo 3D de competição do Toy Story que os adultos se empolgaram tanto quando os pequenos, tinha um cineminha 4D (isso mesmo 4D, diferença quase Zero mas tudo bién!) do Shrek e vários efeitos que vinham da Cadeira da sala de projeção. O tradicional Tubarão deu aquele susto, e as carinhas das crianças foram impagáveis. Na apresentação do Disaster, que é uma simulação de catástrofes em um metrô, o Pai Postiço deu uma de ator e participou da encenação, e a Princesa ficou atenta ainda mais por isso. O Twister, outra simulação só que agora de furacão, foi aquela coisa, né? Meio sem graça. Mas os brinquedos novos (pelo menos pra mim) dos Simpsons com um simulador arretado e poderoso, e da Múmia com sua montanha russa foram os melhores! Os homens ainda foram em outra montanha russa, a Rip Ride Rockit onde você escolhe a música que quer ir escutando enquanto tá naquele sobe e desce com arrancada de 90 graus no meio da resenha. Foi o último parque e mesmo cansados ficamos com gostinho de quero mais. Fechou bem a saga dos Parques…
155314_1440571385275_1562774298_30907242_3107882_n
154142_1440573305323_1562774298_30907257_3999754_n 156552_1440572665307_1562774298_30907253_7173563_n
 148825_1440575665382_1562774298_30907273_5607879_n
Olha o ator aí em cima… kkk.. só rindo!
E do Décimo Segundo dia até o Décimo Quinto, nós passamos em MIAMI! Nada de parques, só comprar, comprar e comprar…
Todos os tickets foram comprados no site da Disney e no Site da Universal, ainda de Recife como falei no Post anterior. Realmente é mais barato do que comprar na hora, mas nenhuma diferença gritante. O bom mesmo é a praticidade de não pegar fila, pelo menos na Universal, Sea World e Bush Gardens você já passa direto com o papel do ticket impresso em casa. E ainda garante aquele o famoso “ingressos na mão”, ou a gente vai ou… vai.

E ai gente, o que é que vocês estão achando dos posts da nossa viagem? Vamos trocar idéias por aqui e aproveitar este espaço pra que cada vez mais gente possa organizar uma viagem dessas com o máximo de informação possível! Eu mesma iria adorar antes de ir, ter lido várias coisas legais sobre o meu destino! E vocês?